Voltar

Por Alexandre Monteiro

Viajar o mundo e conhecer novas culturas e modos de vida é um sonho de qualquer ser humano. A sensação de um avião levantando voo, a excitação de ganhar um novo carimbo no passaporte e o gosto da primeira garfada daquele prato típico que você nunca havia provado antes… tudo isso faz a vida bem mais interessante. O problema é que, às vezes, o orçamento é apertado para bancar este sonho.

Estamos chegando ao fim do ano e você deve estar fazendo planos sobre alguns destinos bacanas para conhecer em 2017. O preço pode assustar: passagens aéreas custam um bom dinheiro, além de alimentação e hospedagem, que vão lhe demandar algum investimento. Mas a boa notícia é que, se você for um empreendedor aqui no Brasil, há alguns jeitos de viajar gastando pouco ou quase nada – e ainda por cima bombar o seu negócio.

Abuse dos benefícios do seu cartão de crédito. Basicamente, você pode ter boas surpresas se utilizar as ofertas da sua bandeira, ganhando literalmente milhões de milhas e pontos que permitem que você viaje pagando valores muito baixos – às vezes até de graça, com direito a primeira classe. Se o seu negócio gera dinheiro enquanto você viaja, é vantagem para todos os lados.

person-731479_1280

Dê palestras e cobre por elas. Todos os dias, ao redor de todo o mundo,  há conferências nas quais você, enquanto empreendedor, pode dar palestras e ser pago por dividir seu conhecimento com as pessoas. Você pode agendar uma palestra e ainda ter a organização cobrindo outros gastos, como alimentação e hospedagem. Basta você se sentir confortável para falar em frente a muitas pessoas. Pesquise na internet pelos eventos que têm a ver com a área em que você trabalha. Quando achar algum, mande ao organizador a sua proposta.

Às vezes é simples, às vezes não. As conferências contratam aquelas pessoas que sentem ser “experts” no assunto. Se você não tem material suficiente que comprove isso, não se inscreva: participe apenas quando tiver certeza que tem capacidade para agregar àquele evento. Há empreendedores que, utilizando esta estratégia, já viajaram a mais de 10 países, portanto, não perca tempo.

Procure dar consultoria a empresas no exterior. Assim como a participação em conferências, também dá para ser pago para viajar prestando consultoria a empresas, que costumam ter um orçamento dedicado a contratar especialistas de fora. Você pode compartilhar seu conhecimento com eles sobre começar um negócio, investir em marketing, vendas, sistemas tecnológicos e muito mais.

Assim, você receberá um bom dinheiro e terá suas despesas pagas. Mas antes de se aventurar no exterior, tenha certeza que já construiu um bom portifólio em experiências nacionais de consultoria. Dessa forma, empresas internacionais vão valorizar mais o seu trabalho.


Fonte: Entrepeneur
Imagens: Pixabay