Aprenda as diferenças entre CAPEX e OPEX

diferenca-capex-opex

Quem se aventura no mundo dos negócios sabe a importância de conhecer os termos mais utilizados no mercado. Em se falando de investimentos feitos por uma companhia rumo ao sucesso, quem nunca ouviu falar de CAPEX e OPEX?

Ter uma boa gestão dos investimentos da empresa é o primeiro passo para fazê-la crescer. E a gestão eficiente inclui a correta aplicação de conceitos e estratégias. ​

Você quer saber para que serve e quais as diferenças entre CAPEX e OPEX? Continue com a leitura deste artigo para saber mais sobre o assunto!

O que é CAPEX e OPEX?

Primeiramente, vamos destrinchar o significado desses termos, a fim de que você possa entender exatamente o que eles querem dizer.

CAPEX é uma sigla inglesa, que vem de Capital Expenditure (despesas de capital, em tradução livre). Toda compra feita na sua empresa com o objetivo de se obter um retorno financeiro, em longo prazo, é denominado CAPEX.

Ou seja, qualquer investimento em ativos corpóreos que seja possível agregar a sua companhia vai ser denominado CAPEX.

Já o OPEX também é uma sigla inglesa, que deriva de Operational Expenditure (despesas operacionais, em tradução livre). Caracteriza-se pelas despesas que uma empresa tem ao realizar serviços de manutenção, reparos, e outras despesas operacionais nos tais ativos físicos. 

Em resumo, pode-se dizer que OPEX são os gastos decorrentes do CAPEX.

Ambas as definições são nomenclaturas econômicas. Os investimentos de um empreendimento, visando o lucro e a geração de capital, podem ser definidos desta forma.

Quais as diferenças entre CAPEX e OPEX? 

Saber o que é CAPEX e OPEX é o primeiro passo. Agora, vamos falar sobre as diferenças entre essas modalidades de investimento.

O CAPEX é uma despesa que é investida em capital, que gera fluxo de caixa. Este investimento visa, principalmente, o longo e médio prazo, já que o ativo “se paga” após um tempo que é implantado nos negócios. 

O OPEX, por sua vez, é a despesa recorrente que decorre do desgaste e uso desses recursos, para que seu investimento continue gerando capital, sendo um investimento a curto prazo.

Além disso, as despesas de capital auxiliam no aumento da produtividade da empresa, garantindo a continuidade dos negócios. E, para que isso seja possível, as despesas operacionais que garantem que a infraestrutura funcione propriamente.

Como funcionam esses investimentos?

Agora que você já sabe exatamente o que é CAPEX e OPEX e suas diferenças, vamos falar sobre como eles funcionam. 

É normal ter dúvidas sobre o que, efetivamente, entra como CAPEX ou como OPEX. Ou, ainda, como calcular esses índices. Confira.

Como funciona o CAPEX

Como mencionamos anteriormente, o CAPEX é uma forma de se investir no empreendimento. Essa forma de investimento, deve se relacionar com os ativos corpóreos dos negócios. 

Ao se realizar compras visando a melhoria dos processos internos, há o que chamamos de despesas de capital. Essas compras devem alterar os ativos corpóreos da empresa.

A palavra-chave aqui é exatamente esta: ativos corpóreos. Computadores, terrenos, edifícios, entre outros. Desde que tenham valor físico e valor para o empreendimento.

Um exemplo do uso do Capital Expenditure em empresas é o investimento em tecnologias mais modernas, através de hardwares e softwares novos, que facilitam os processos e aumentam a eficiência. 

Confira, abaixo, outros exemplos de despesas que são considerados CAPEX.

  • mudanças na estrutura da empresa;
  • compra de novos equipamentos;
  • aquisição de nova frota;
  • compra de um novo terreno ou escritório.

É importante reforçar a relação do CAPEX com os ativos da companhia. Portanto, para que o investimento seja incluído como Capital Expenditure, este deve ter valor como ativo comercial. 

Como calcular o CAPEX

Para que o CAPEX seja calculado, primeiro é necessário verificar qual foi a variação anual de ativos de sua empresa. 

Subtraia o valor do ano atual em relação ao ano anterior, e some a esse valor a depreciação do bem. Este será o valor do seu Capital Expenditure para o ano atual.

Como funciona o OPEX

Despesas que se enquadram como operacionais, manutenções e demais serviços de curto prazo para garantir a continuidade do negócio são consideradas como OPEX

A palavra-chave aqui é exatamente essa: despesas operacionais. Ao contrário do CAPEX, no qual o investimento é feito nos ativos corpóreos, no OPEX o investimento é no bom funcionamento de tais ativos, de forma recorrente na companhia. 

Confira, abaixo, alguns exemplos de gastos operacionais que entram como OPEX:

  • reparos operacionais em equipamentos;
  • serviços de internet e tecnologia;
  • manutenção de veículos;
  • serviços de limpeza;
  • gastos com serviços de marketing;
  • honorários advocatícios;
  • despesas com seguro.

Como calcular o OPEX

O cálculo das despesas operacionais é relativamente mais simples do que o cálculo das despesas de capital. 

Para que o OPEX seja calculado, é necessário apenas somar as despesas referidas do período em questão. Normalmente, o cálculo é feito com a base anual, assim como o CAPEX

Vale lembrar que, por suas naturezas serem distintas, o CAPEX e OPEX devem ser calculados de forma separada. Apesar de serem investimentos que ocorrem, na maioria das vezes, de forma conjunta, devem ser apreciados separadamente, por seus objetivos serem distintos.

Quais as vantagens de cada uma das modalidades?

Como pudemos perceber, ambos os investimentos são essenciais para o funcionamento da empresa. Um complementa o outro na hora de melhorar os processos da empresa. 

Porém, você já parou para pensar qual das opções é a melhor para você e sua empresa? Veja, agora, as vantagens do CAPEX e OPEX.

As vantagens do investimento CAPEX

  • aumenta, de forma direta, a lucratividade;
  • garante um aumento do fluxo de caixa;
  • apresenta retorno do investimento a longo prazo;
  • forma de investimento segura.

As vantagens do investimento OPEX

  • garante o bom funcionamento dos ativos corpóreos;
  • aumenta a produtividade da empresa; 
  • tributos são deduzidos no ano atual;
  • sem necessidade de descapitalização da empresa.

Com certeza, ter um bom entendimento de como funcionam o CAPEX e OPEX vai te ajudar bastante na hora de gerenciar sua empresa. Aplique esses conceitos e estratégias a seus projetos de crescimento profissional!Este assunto é de suma importância para quem lida com a área econômica. Gostou de nosso conteúdo informativo? Para receber mais conteúdo como o que acabou de ler, siga o Melhor Câmbio no Facebook e no Instagram!

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

Posts Relacionados

Cada vez mais pessoas apostam em investir seu dinheiro para render mais. É, sem dúvidas, a melhor opção para não deixar que seu capital desvalorize com o tempo. Uma...

Cada vez mais pessoas apostam em investir seu dinheiro para render mais. É, sem dúvidas, a melhor opção para não deixar que seu capital desvalorize com o tempo. Uma...

Você já se viu em uma situação na qual era necessário enviar dinheiro para o exterior? Isso é algo que, quando acontece, acaba deixando as pessoas em dúvida e...

Há muitos conceitos importantes no mercado. A empresa deve compreendê-los para fazer bom uso e melhorar seus lucros. Por exemplo, o termo “margem” é bastante comum: margem de lucro,...

pt_BRPortuguese