O que é capital de giro e para que serve?

capital-de-giro

Quem tem uma empresa sabe como gerir seus processos corretamente é uma tarefa complicada. Quando se fala da parte financeira, então, deve-se tomar muito cuidado.

Saber o que é capital de giro é, provavelmente, um dos conceitos financeiros mais complicados de serem entendidos pelos empreendedores. Porém, o capital de giro é uma peça fundamental para a saúde financeira de qualquer negócio.

Neste texto, vamos explicar exatamente o que é e para que serve o capital de giro. Quer saber mais sobre o assunto? Confira a seguir!

O que é capital de giro?

Primeiramente, vamos definir o que é capital de giro. Este termo faz referência ao ativo circulante que é necessário para se manter uma empresa. Ou seja, quaisquer despesas fixas e variáveis essenciais para a continuidade dos negócios são cobertas pelo capital de giro. 

Em resumo, o capital de giro pode ser entendido como uma reserva financeira. Essa reserva objetiva ser usada em momentos de necessidade. No conceito de capital de giro inclui-se todo o valor que pode ser utilizado para garantir o funcionamento da empresa. 

Quando a companhia enfrenta problemas nas vendas ou sofre alguma intercorrência nos negócios, é importante ter o capital de giro para recorrer. É este ativo circulante que permite que a empresa mantenha sua saúde financeira e o negócio funcionando, sem comprometer a qualidade dos serviços.

Para que serve o capital de giro?

O capital de giro tem uma grande importância em qualquer empreendimento. Ele representa o quanto a empresa pode disponibilizar para pagar e sanar as suas despesas. 

Portanto, empreendimentos que operam com um baixo capital de giro acabam correndo maior risco financeiro. Afinal de contas, o capital de giro serve para dar suporte à saúde financeira de um negócio. 

O capital de giro cobre, por exemplo, custos operacionais que estão maiores que a receita do momento. 

Este ativo é essencial a qualquer empresa. Afinal de contas, parar com a produção ou com os processos em razão de uma crise momentânea significa perder mais dinheiro ainda.

Como calcular o capital de giro?

Para se calcular o capital de giro não é complicado. O primeiro passo é estabelecer os ativos circulantes e os passivos circulantes de sua empresa. 

Ativos circulantes referem-se aos bens que podem ser convertidos em capital em curto prazo.  Por exemplo, aplicações financeiras e valores em contas bancárias. 

Passivos circulantes, por sua vez, são as despesas fixas da empresa. Por exemplo, as contas a pagar, custos com fornecedores, folha de pagamentos, entre outros. 

De posse destes dois valores, é necessário apenas subtrair o valor do passivo circulante do ativo circulante. Confira. 

Capital de giro = ativo circulante – passivo circulante 

Como melhorar o capital de giro?

Agora que você já sabe o que é e para que serve o capital de giro, vamos dar dicas para que você melhore o capital de giro da sua empresa. Confira!

  • evite comprar à vista, negocie melhores condições de pagamento;
  • evite estocar produtos demais;
  • ofereça condições especiais e promoções para clientes que paguem à vista;
  • monitore a saúde financeira da sua empresa de perto;
  • tenha profissionais para te ajudar nas finanças da empresa.

O capital de giro é essencial em uma empresa em estruturada. Afinal de contas, ele assegura que a empresa sempre esteja em sua melhor forma financeira.

E aí, gostou de saber mais sobre para que serve o capital de giro? Caso você curta nosso conteúdo, estamos também nas redes sociais.

Siga o nosso Facebook, nosso perfil no Instagram e a página no Twitter! Também não deixe de nos acompanhar no nosso canal do YouTube.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

Posts Relacionados

Quando realizamos alguma transação financeira, é comum a cobrança de IOF. Trata-se de um imposto muito conhecido, mas nem sempre bem compreendido pelas pessoas. Como impostos nem sempre são...

Toda empresa deseja melhorar os seus resultados. Mas, afinal de contas, para se manter em um nível competitivo, crescer e gastar menos é necessário escolher a forma correta de...

Novidades são sempre bem-vindas, não é mesmo? A Skrill é uma plataforma relativamente nova no mercado financeiro do Brasil. E assim como toda carteira digital, há uma gama de...

Quando realizamos alguma transação financeira, é comum a cobrança de IOF. Trata-se de um imposto muito conhecido, mas nem sempre bem compreendido pelas pessoas. Como impostos nem sempre são...

Quando realizamos alguma transação financeira, é comum a cobrança de IOF. Trata-se de um imposto muito conhecido, mas nem sempre bem compreendido pelas pessoas. Como impostos nem sempre são...

Toda empresa deseja melhorar os seus resultados. Mas, afinal de contas, para se manter em um nível competitivo, crescer e gastar menos é necessário escolher a forma correta de...

Novidades são sempre bem-vindas, não é mesmo? A Skrill é uma plataforma relativamente nova no mercado financeiro do Brasil. E assim como toda carteira digital, há uma gama de...